Tag "hiper-realismo"

  • As pinturas hiper-realistas de Jason de Graaf

    As pinturas em acrílico sobre tela, do artista Jason de Graaf, originário de Ontario, Canadá, encenam uma realidade alternativa, criando uma ilusão de verossimilhança na superfície pintada, filtrada para que expresse a visão única do pintor. Apesar das suas pinturas serem hiper-realistas e parecerem fotos o objetivo, segundo Jason, não é reproduzir ou documentar 100% fielmente o que ele vê, mas criar a ilusão de profundidade e senso de presença não encontrados nas fotografias. Jason De Graaf trabalha meticulosamente os detalhes da textura contrastante e superfícies pesadas das suas naturezas-mortas. Mas suas obras não são apenas demonstrações de talento fotorrealista. As reflexões enganosas se concentram em um domínio da realidade que existe fora da moldura da pintura. Um mago das cores, da luz e das tintas.

    Aprecie suas obras e de novo: NÃO são fotografias!

    Jason de Graaf paintings5 550x364 Parece verdade mas é de mentira

    Jason de Graaf paintings4 550x363 Parece verdade mas é de mentira

    Jason de Graaf paintings3 550x437 Parece verdade mas é de mentira

    Jason de Graaf paintings2 550x407 Parece verdade mas é de mentira

    Jason de Graaf paintings 550x550 Parece verdade mas é de mentira

    odyssey.4 001 Parece verdade mas é de mentira

    untitled 30 x 30 acrylic on canvas Parece verdade mas é de mentira

    twilight glasses small Parece verdade mas é de mentira

    nancys room rough Parece verdade mas é de mentira

    Fonte: Mundo Gump.

     

    continue lendo
  • As esculturas hiper-realistas (e perturbadoras) de Ron Mueck

    Uma prova de que tamanho faz diferença, a criatividade do gênio escultor Ron Mueck, artista radicado em Londres, é um instigante estudo da arte sobre a vida, uma exposição frontal da humanidade em todas as suas formas, forçando o caminho para além da representação tradicional do tridimensional.

    Mueck é fascinado pela anatomia (como obviamente pode ser observado nas suas peças) e, para ele, exagerar na escala e nos detalhes minuciosos é tudo o que importa para atingir seus objetivos. Suas perturbadoras esculturas hiper-realistas provocam emoções espontâneas no público – da repulsa à admiração. Todos comentam sobre o que observam criando interpretações e narrativas sobre o que as esculturas mostram e querem dizer. Como toda boa obra de arte ela gera múltiplos significados para os observadores.

    A escala dos valores de suas obras também é grande. Sua escultura da mulher grávida em pé foi vendida por cerca de €500.000,00 para a Galeria Nacional da Austrália. Para fazer suas esculturas ele usa uma mistura de materiais em grandes proporções que incluem poliestireno, resina de vidro, silicone, espuma de poliuretano, fibra acrílica e tecidos. Todos adicionados para aumentar a sensação de realismo, vulnerabilidade e tangibilidade.

    Ron Mueck consegue com sua arte diversas reações emocionais: nojo, repulsa, admiração, contemplação, reflexão, menos a indiferença que seria a principal falha de uma obra de arte.

    continue lendo
  • RSS
  • Facebook
  • LinkedIn
  • Twitter
  • YouTube